Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Notícias 2018 > Ibama embarga 10 empresas por exploração ilegal de araucárias no PR
Início do conteúdo da página

Ibama embarga 10 empresas por exploração ilegal de araucárias no PR

Publicado: Quarta, 25 de Abril de 2018, 20h14 | Última atualização em Sexta, 27 de Abril de 2018, 11h36
Agentes ambientais federais fiscalizam exploração ilegal de madeira no Paraná
Foto: Ibama
Foto: Ibama

Brasília (25/04/2018) – Operação realizada pelo Ibama para combater o beneficiamento e o consumo de madeira ilegal resultou até o momento no embargo de dez empresas e na apreensão de 240 metros cúbicos de araucária (Araucária angustifólia), o equivalente a 25 caminhões carregados de madeira, na região centro-sul do Paraná. Os agentes ambientais também recolheram um trator e aplicaram 37 autos de infração, que totalizam R$ 1 milhão. Cerca de 60 hectares com indícios de irregularidades, área que corresponde a 60 campos de futebol, foram embargados.

A operação inspeciona alvos próximos aos remanescentes da Mata de Araucárias, uma das formações nativas do bioma Mata Atlântica.

“A prioridade é a fiscalização de empresas consumidoras de produtos florestais, principalmente de espécies ameaçadas. Os estabelecimentos devem manter seus estoques de madeira acompanhados pelo Documento de Origem Florestal (DOF) durante o armazenamento, o transporte e a venda para evitar a perda do material e a aplicação das sanções previstas em lei”, diz o analista ambiental que coordenou a operação, Fernando Nunes.

A operação será mantida por tempo indeterminado e estendida a centros consumidores, como a região metropolitana de Curitiba. Os resultados serão encaminhados ao Ministério Público do Estado para a apuração de responsabilidade na área criminal.

 

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) relacionados:

 

Assessoria de Comunicação do Ibama
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
061 3316 1015

registrado em: ,
Tags:
Fim do conteúdo da página