Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Notícias 2017 > Ibama e PRF resgatam 219 animais em feiras livres de SE e BA
Início do conteúdo da página

Ibama e PRF resgatam 219 animais em feiras livres de SE e BA

Publicado: Quarta, 05 de Abril de 2017, 19h53 | Última atualização em Quarta, 26 de Abril de 2017, 10h05
Ibama e Polícia Rodoviária Federal (PRF) fiscalizam feiras livres em SE e BA
Foto: Ibama
Foto: Ibama

Brasília (05/04/2017) – Agentes do Ibama e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) resgataram 219 animais silvestres comercializados ilegalmente em feiras livres nos municípios de Salgado, Estância, Itaporanga d'Ajuda, Lagarto e Simão Dias, em Sergipe; e em Paripiranga, na Bahia. Foram recolhidas 194 aves e 25 jabutis, réptil listado no Apêndice II da Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção (Cites), que estabelece controle mais rigoroso para importação e exportação. As multas aplicadas totalizam cerca de R$ 185 mil.

Realizada para fiscalizar o tráfico de animais, a operação apurou a participação de crianças e adolescentes na captura e no comércio da fauna silvestre. “Vamos continuar fiscalizando de forma ostensiva o tráfico no estado. Vários animais são vendidos ou mantidos em condições de maus-tratos. É importante conscientizar as pessoas de que se trata de crime ambiental”, disse a coordenadora do Núcleo de Inteligência da superintendência do Ibama em Sergipe, Cristina Coelho. Segundo ela, os caçadores têm mais facilidade para realizar a captura durante a seca em razão da escassez de alimentos.

Parte das aves apreendidas foi libertada em trechos de floresta no interior do estado. As demais foram encaminhadas ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas/SE) para tratamento e avaliação. De acordo com a legislação ambiental, não é permitido criar animais silvestres sem autorização dos órgãos competentes. O infrator está sujeito a multa de R$ 500 por animal. Se a espécie estiver ameaçada de extinção, o valor sobe para R$ 5 mil.

 

Assessoria de Comunicação do Ibama
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
(61) 3316-1015

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página