Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Informes > Ibama autoriza operação de cabos de fibra ótica que ligam o Brasil aos Estados Unidos
Início do conteúdo da página

Ibama autoriza operação de cabos de fibra ótica que ligam o Brasil aos Estados Unidos

Publicado: Sexta, 26 de Janeiro de 2018, 20h37 | Última atualização em Sexta, 26 de Janeiro de 2018, 20h37

Brasília (26/01/2018) – A presidente do Ibama, Suely Araújo, assinou na última quinta-feira (25/01) a Licença de Operação (LO) 1422/2018, que autoriza o funcionamento do Sistema de Cabos Submarinos de Fibra Ótica Monet, empreendimento sob responsabilidade do Consórcio Monet Santos, liderado pelo Google. O projeto tem como objetivo melhorar a infraestrutura de telecomunicações que atende usuários de internet em toda a América Latina.

Com 10,5 mil quilômetros de extensão, o sistema de cabos é composto por três segmentos instalados no fundo do oceano. O primeiro liga os Estados Unidos ao Brasil. Em território nacional, os trechos dois e três ligam o sistema às estações terminais localizadas na Praia do Futuro, no município de Fortaleza (CE), e na Praia do Bairro Mirim, no município de Praia Grande (SP).

A Licença de Operação 1422 estabelece dez condicionantes a serem cumpridas pelo consórcio, entre elas a obrigação de executar, quando necessário, programas ambientais que permitam reduzir impactos de eventuais ações de reparo ou manutenção do cabo, principalmente programas de controle de poluição, de controle de obras, de comunicação social e de recuperação de áreas degradadas.

O Consórcio Monet Santos é formado pelas empresas Google Infraestrutura Brasil, Algar Telecom, Angola Cables Brasil e Antel Telecomunicações Brasil.

A licença, com validade de dez anos, será formalizada com o pagamento da taxa de licenciamento.

 

Assessoria de Comunicação do Ibama
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
(61) 3316-1015

registrado em:
Fim do conteúdo da página